Fundação Doimo


Ensino de línguas a prostitutas e cartão de crédito em hotéis

aprosmig

A Fundação Doimo, em apoio a Associação das Prostitutas de Minas Gerais, incentivou o ensino de línguas estrangeiras a prostitutas, visando o atendimento a turistas de outras nacionalidades que visitaram Belo Horizonte em decorrência da Copa do Mundo FIFA Brasil 2014.

Viabilizou também a utilização do cartão de crédito como meio de pagamento em hotéis da região boêmia da capital mineira. As ações da Fundação Doimo em conjunto com a Aprosmig também visam debater e reduzir o preconceito à profissionais do sexo.

 

 

IMG_0661

O presidente da Fundação Doimo, Elias Tergilene, e Cida Vieira, da Aprosmig: Implantação das máquinas de cartão de crédito nos hotéis da região boêmia de Belo Horizonte.

 

18 de dezembro de 2014
© 2011-2018